Vereadores convidam CRMV-SP e Anclivepa PDF Imprimir E-mail
O vereador Roberto Tripoli (PV) convidou os presidentes do CRMV-SP (Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo), Dr. Francisco Cavalcanti de Almeida; e da ANCLIVEPA-SP (Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais), Dr. Marco Antonio Gioso, para participarem oficialmente da próxima reunião da Comissão de Estudos para Avaliação da Coexistência dos Animais Domésticos, Domesticados, Silvestres Nativos e Exóticos com a População Humana, os Reflexos na Saúde Pública e Meio Ambiente e a Legislação Pertinente na Cidade de São Paulo, instituída na Câmara Municipal de São Paulo.

A reunião acontecerá no dia 1 de abril de 2009, às 11 horas, no Plenário da Câmara Municipal (Viaduto Jacareí, 100, primeiro andar) e a entrada é livre para ONGs, protetores independentes e todas as pessoas que se interessam pelo tema.

Esta Comissão de Estudos foi constituída a partir de requerimento do vereador Tripoli (que preside o grupo) e conta ainda com os vereadores Aurélio Miguel (PR); Ítalo Cardoso (PT); Bispo Atílio (vice-presidente, do PRB); e Gilberto Natalini (PSDB). Os vereadores têm prazo de 60 dias para concluir os trabalhos, prorrogáveis por mais 60 dias, e será gerado um relatório oficial. Os parlamentares já fizeram uma vistoria ao Centro de Controle de Zoonoses no dia 23 de março e ,no dia 25 de março, reuniram-se e aprovaram vários requerimentos, pedindo para o Poder Público informações completas sobre a situação do CCZ, animais abrigados, controle populacional de cães e gatos e outros temas.

Agora, os vereadores vão escutar os presidentes do CRMV-SP e da ANCLIVEPA-SP. A idéia é conhecer a opinião destas entidades a respeito da situação dos animais na cidade de São Paulo, como os médicos veterinários vêm contribuindo para o controle populacional de cães e gatos e para a conscientização dos proprietários, e propostas para o caos instalado no Centro de Controle de Zoonoses, onde os animais, teoricamente, não são mais sacrificados por determinação de lei estadual, mas sofrem com a superlotação e o excesso de tempo de confinamento.

O vereador Roberto Tripoli frisa “a importância da participação, nas reuniões e debates, de ONGs, protetores e todas as pessoas interessadas em buscar soluções para os graves problemas que atingem o controle animal na cidade, sobretudo o drama da superpopulação e do aumento do abandono de cães e gatos. Também vamos discutir a questão dos cavalos e outros grandes animais, bem como dos silvestres nativos e exóticos. É uma oportunidade única para todos que conhecem a importância de cuidar e preservar todas as formas de vida”, diz o vereador ambientalista.

QUALQUER INFORMAÇÃO SOBRE A COMISSÃO DE ESTUDOS, AS REUNIÕES E OUTROS DETALHES, BASTA LIGAR PARA O GABINETE DO VEREADOR ROBERTO TRIPOLI (PV) – 3396-4522.

(Texto: Regina Macedo / jornalista ambiental)
 
Envie cartões virtuais e expresse seu amor pelos animais

...........................................

...........................................

Memórias na Proteção

...........................................

Nós temos 93 visitantes online